Tamanho da Letra: [A-] [A+]

Bernardo Riedel, the Brazilian Gyro Gearloose

Published by Afonso Machado in Astronomy
data: 16/09/2009

Professor Bernardo Riedel comes from a Jewish family. His father, Mauricio Riedel was originally from Lodz, Poland and his mother, Paula Fuhrmann, from Kecskemét, Hungria. They came to Brazil in 1930 and after trying to live in Rio de Janeiro, which they found to be too hot, they went to São Paulo and after finding it to be too humid, they finally ended up settling with the suave climate of Belo Horizonte.
His grandparents on his mother’s side along with some of his uncles died in Nazi concentration camps, as did other relatives on his father’s side. His mother would tell stories of her parents’ penury and despair during the First World War when the Austro-Hungarian Empire was crushed by the French and English. His mother’s family moved to Lodz, Poland where she met her future husband. From there, where they felt the ever growing anti-Semitic feelings, they came to Brazil where they married and had seven children.
Professor Bernardo, the second child of seven, has a half-sister and a niece who live in Israel. In Belo Horizonte, he met Dona Elza, originally from Itambacuri where she studied in a nuns’ school. They married and had two children, Rafael and Sarita. Dona Elza converted to Judaism and today, aside from being the choir regent, is one of the main expounders for Belo Horizonte’s central Synagogue.
Due to family influence, Bernardo graduated in pharmacy and biochemistry at the Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, where he entered as a professor in 1970. But his passion has always been for astronomy and from 1977 to 1998 he worked as optical engineer for the Observatório Astronômico Frei Rosário, OAFR, located in the Sierra da Piedade region, in the county of Caeté, metropolitan region of Belo Horizonte, where he retired years later as director of the institute.

Inventing started early for Riedel. In 1953, at the age of thirteen, on a boy scouts camping trip, he fell in love with the night sky and constructed his first telescope, a square structure made from wood boxes.

Today, Professor Riedel is considered by the scientific community to be one of the leading Brazilian specialists in the fabrication of telescopes. His first wood box telescope was built in 1953, at this time he became associated with the Centro de Estudos Astronômicos de Minas Gerais (CEAMIG).

In 1978, he founded the B. Riedel Ciência e Técnica (B. Riedel Science and Craft), Belo Horizonte, which has the objective to build high quality astronomic instruments such as, telescopes, lenses, mirrors, filters, and diverse accessories related to astronomy.

Holder of cutting-edge technology and developer of diverse original techniques in the production of amateur telescopes and domes, Professor Bernardo Riedel is cordially nicknamed by the astrological community as the Brazilian Gyro Gearloose.

Inside the factory:

Participating in nearly every movement to promote and encourage astronomy in Belo Horizonte and Minas Gerais, which culminated with the creation of the Astronomic Observatory of Sierra da Piedade and the attempts to install the planetarium of BH.

In 1995, he began an implementation program for astronomical observatories in Brazil, producing five summits which today operate his telescopes. In Piauí there is an Astronomical Observatory named after him and he is also the Astronomy Club’s president of honor in Baturité, Ceará. He also participates in groups that are working on the restoration and maintenance of existing observatories throughout Brazil with the aim to keep them operational.

In his factory, the “B Riedel Ciência e Técnica Ltda”, located in Bairro Horto, Belo Horizonte, sophisticated telescopes are spawned by means of machines built from ice cream machine engines, pulleys from sewing machines, hydraulic mechanisms from dentist chairs, Auger axles from chicken roaster ovens, vacuum pumps from the American Air Force, copier belts and other assorted gizmos. His greatest pride is the vacuum chamber that was once a valve factory which RCA Victor kept in the Industrial City of Contagem until the 60’s. Before going through the vacuum chamber to be transformed into a telescope mirror, the lens is heated in an old pizza oven.

Argentine writer and poet Jorge Luís Borges once said that heaven must be very similar to a bookstore, where one’s imagination can run wild. Professor Bernardo Reidel’s opinion diverges. He thinks that heaven must be like a junk yard where we can find the treasures that he puts to work in his factory on Rua João Carlos.

The telescope that the professor fabricates is a type of reflector, it consists of a cylinder that has in its bottom end a convex or convergent mirror that, by means of a prism throws the light captured from the sky into a small lens affixed to the side of the tube, called an ocular lens, which has a small focus regulator, according to the distance of the observed object. Their cylinders vary from 90 cm to 2 ½ meters long and 10 to 25 cm in diameter, slightly larger than the mirrors themselves.

The professor affirms to have spent on these inventions all of the money from the sale of seven real estate properties. Today he has five employees and is preparing to assemble on top of the concrete slab roof of his building a celestial observation center open to the public. He has obtained the cooperation of Cemig Energy Co., which has installed a buffer so that the light posts in front of the factory do not blur the observation terrace. But one of the problems of his observatory is its proximity to the Independência Stadium. When there is a soccer game at night, the illumination from the Independência prevents astrological observation.

B. Riedel’s telescopes cost between 450 and 1700 USD, depending on their size, sophistication and accessories. Every year when the rainy season ends, he gathers a class of students who at the end usually end up ordering telescopes of their own. But what is most impressive are the immense and sophisticated domes, like the one he is just finishing now to build for a private observatory in Bragança Paulista,  state of São Paulo, which is 5 meters in diameter.

The bureaucracy and lack of resources, he complains, push the creative spirits out of the country. “In the American universities, an idea starts getting executed in one month’s time. Here, it takes years to get off the papers, if ever!” When there is opportunity, the professor complains, the lack of support that the entrepreneurs have in Brazil, and of course the lack of wisdom of monitoring government bodies, take a good chunk out of your time and working capital. He mentions that he has already been invited several times to go to Israel to work in the aeronautic industry, and says that if he were in China, he would have the facility to exit a state bank with a folder full of money to implement his investments.

Compartilhar este Artigo

Leia mais artigos em Astronomy

Afonso Machado - Jornalista, residente em Belo Horizonte MG
36 Comentários
  1. Sânia - Betim - MG

    Parabéns pela matéria sobre o professor Bernardo Riedel, autêntico professor Pardal.

  2. Eu, Francisco Pires, achei ótima essa reportagem sobre o professor Bernardo Riedel, inclusive ele é o presidente de honra do CAB Clube de Astronomia de Baturité, pois o professor é umas das pessoas que eu considero como um cientista na área da astronomia.

  3. Cyro/Belo Horizonte/MG

    Eu me considero um privilegiado em ter como amigo o professor Riedel.
    Meu relacionamento com ele começou em 2002, véspera do ano da grande aproximação de Marte, ocorrida em agosto/2003. Fui aluno de um curso de astrônomo amador ministrado à época por ele em sua fábrica em Belo Horizonte. Quase todos os alunos do curso adquiriram telescópios (excelentes) de sua fabricação. Fiquei realmente assombrado com o enorme conhecimento em Astronomia que o Professor Riedel detém e a facilidade e alegria de repassar para os outros este conhecimento. Sei das enormes dificuldades que ele passa para levar adiante num país tão injusto uma causa tão nobre. Poucas pessoas sabem como ele a importância da Astronomia no cotidiano. Quando vemos em uma pesquisa no “Google” mais de um milhão de citações sobre Bernanardo Riedel, todos nós sentimos recompensados em conhecê-lo, admirá-lo e tê-lo como amigo de todas as horas. Não desista, Professor Riedel! Continue teimoso, tentando levar um pouco de conhecimento às pessoas deste país tão grande mas que não sabe valorizar seus cientistas!
    Grande abraço,
    Cyro deFreitas/BH

  4. Fabio lima

    Gostei e me interessei pelos telescopios fabricados por este artista. Gostaria de entrar em contato com esta fabrica no bairro horto. Moro no bairro pompeia vizinho do bairro horto,se for possivel me mandar endereço ou telefone para contato. ant. agradecimento.

  5. Cyro

    Recado para o Fábio Lima, acima

    Entre no site do Professor Riedel
    para maiores informações.

    http://www.telescopios.com.br/

  6. Bruno/ Belo Horizonte

    TIVE O PRIVILÉGIO DE TER CONTATO COM A ASTRONOMIA ATRAVÉS DA LOJA DO PROFESSOR NA GALERIA PRAÇA SETE EM BH, E DALI CONSTRUIMOS UMA AMIZADE. FORAM NOITES E MAIS NOITES DE OBSERVAÇÕES EM ACAMPAMENTOS E OBSERVATÓRIOS, E OS TELESCÓPIOS AMANHECENDO MOLHADOS DE SERENO.
    INFELIZMENTE, NOS NOSSOS ÚLTIMOS ENCONTROS, A BUROCRACIA E A GANÃNCIA FISCAL DO SISTEMA, ACABARAM POR FAZER MORRER EM PARTE O NOSSO RELACIONAMENTO, POIS TENTAVA ADQUIRIR PRODUTOS FABRICADOS POR ELE, MAS ELE PASSAVA POR MUITAS DIFICULDADES ATÉ ENTREGAR UMA ENCOMENDA, E ATRAZOS ERAM FREQUENTES E DESGASTANTES.
    DEPOIS DISSO TAMBÉM TIVE PROBLEMAS COM UM DOS ASTROFÍSICOS RESPONSÁVEIS DO OBSERVATÓRIO DA UFMG, QUE POR DESLEIXO DEIXOU CRESCER UMA VERDADEIRA COLÔNIA DE FUNGOS NA OBJETIVA DO REFRATOR COUDÉ DE 150MM, E QUE QUANDO TENTEI LIMPAR, FUI ADVERTIDO DE MANEIRA ESTÚPIDA, TALVEZ PARA MASCARAR O ERRO DE DESLEIXO DO ASTROFÍSICO EM QUESTÃO, E COM CERTEZA COMENTÁRIOS MALDOSOS FORAM FEITOS A MEU RESPEITO COM O PROF. BERNARDO. MAS TENHO CERTEZA DE QUE COMO ELE MESMO ME CHAMOU UM DIA DE “SEU PUPILO”, NÃO EXISTE MÁGOA ENTRE NÓS, E QUEM SABE UM DIA VOLTO A CIRCULAR POR ENTRE PEÇAS, PARAFUSOS E TELESCÓPIOS NA SUA OFICINA.
    AO MESTRE COM CARINHO, UM GRANDE ABRAÇO, BRUNO.
    PS* O APELIDO “PROFESSOR PARDAL” PROCEDE.

  7. Aguinaldo Jose Ferreira

    Tenho um telescopio Bernardo Riedel 180mm. Vendo barato.

    Grato

    Aguinaldo Jose
    aguinaldojose@oi.com.br
    31-3397-1810
    31-8664-4525

    • geraldo ribeiro campagnani

      gostaria de saber o preço e o estado de conservaçao e se esta funcionando bem sem ser preciso de pagar para ajustar lentes ou algo assim

  8. arlindo carvalho

    Prezados amigos e confrades da comunidade astronômica mineira. É com muita satisfação que deixo minha citação nessa belíssima reportagem sobre o amigo Professor B. Riedel. Conhecê-lo foi um privilégio para mim. Muitos ensinamentos e muito aprendizado. Adquiri dele um aparelho de 135mm de diâmetro, F/10,22, excelente e robusto que utilizo e conservo com carinho, uma relíquea para mim. Com esse aparelho já realizei inúmeras observações e as compartilhei, muitas vezes, com diversos amigos e interessados em astronomia. Meus conhecimentos no assunto são ínfimos, mas tento ampliá-los a cada dia com leituras diárias. Gostaria muito que os nossos governantes olhassem para esse senhor com o devido respeito que ele merece e o apoiassem e incentivassem o seu magnífico trabalho além do seu vastíssimo conhecimento. Só no Brasil mesmo é que isso acontece, infelizmente. Os sinceros votos de muito sucesso ao amigo, que por questões profissionais, não revejo há algum tempo. Um cordial e saudoso abraço, Professor e caro amigo. Até um dia. Arlindo Carvalho

  9. Cláudio Toledo

    FINALMENTE, hoje (20 de agosto de 2011) tive o prazer de conhecer o Prof. Bernardo. Adquiri um colimador produzido por ele e fiquei umas duas horas conversando e aprendendo com o mestre, enquanto ele terminava a peça. Me sinto muito orgulhoso de ter uma pessoa da sua importância científica morando na minha cidade, no meu estado e enfim, no meu país. Obrigado professor. (Obs.: Pessoal, o cara é fera mesmo!)

  10. Eu, Pires sou o presidente do Clube de Astronomia de Baturité e tenho uma grande admiração pelo professor Bernardo Riedel pois o considero um grande cientista na arte de fazer telescópios. Ele é o presidente de honra do nosso clube de Astronomia de Baturité.

  11. Edna

    Tive a honra de conhecer o trabalho do professor Bernardo, meu filho e eu fomos alunos dele em um curso que ele ministrou em sua oficina, ele é incrível. Ainda vou adquirir é o telescópio construído por este maravilhoso cientista. Ah, que saudade do tempo do curso… Como pode nossos governantes não valorizarem
    pessoas assim.

  12. geraldo ribeiro campagnani

    fiquei muito animado em encontrar o professor, agora acredito em um susesso na astronomia, pois todo astronomo precisa primeiro de um telescopio e ja vejo a luz no tunel, o resto é mirar no universo.

  13. Conheci a amigo Prof. Bernardo em 1978, época em que fiz o curso de iniciação em astronomia ministrado por ele. Adquiri um fantástico telescópio refletor de 180 mm de sua fabricação e mergulhei no mundo da astronomia, hobby que mantenho até hoje com 67 anos de idade. Fui industrial na área de saúde por 20 anos e posso afirmar que o Prof. é realmente um mestre na área de instrumentos óticos, com destaque na fabricação de telescópio. Realmente é Professor Pardal do Brasil. Lhe farei uma visita para matar a saudade, pois não o vejo há vários anos. O meu abraço amigo para ele.

    • JULIO CESAR DINIZ ROCHA

      Prezado Fernando, bom dia.

      Como faço para entrar em contato com o Professor Riedel ou sua equipe? Tenho interesse em um curso de formação para uso de telescópio.

      Grato.

      Júlio César.

      • Milton Tavares Campos

        Julio, o telefone do professor é 31-3461-9922, o endereço da fábrica é Rua João Carlos, 250, bairro Horto, BH.

  14. valdemir ribeiro soares

    comprei um telescopio pela internete, ao receber tive uma surpresa,o telescopio não funciona,quero saber se o sr.B.Riedel, pode me ajudar, ja entrei em contato com a empresa a qual comprei, mais não obtive respostas.

  15. JULIO CESAR DINIZ ROCHA

    Como faço para entrar em contato com o Professor Riedel? Gostaria de participar de uma turma de aluno, quando vier a montá-la.

  16. Bom dia amigo…O meu nome é ANDRÉS LUCIANO GUERRA TUMANG, sou uma das pessoas aqui no brasil que tenho acesso a muita TECNOLOGIA…Sou radio amador e o que esta faltando aqui no meu XAQUE seria um telescópio,bem pensei sei la em um de 400mm para ter observação mas mor em piracicaba sera que vai funcionar bem diga por favor qual seria o melhor PROF e tambêm se possivel preço…Caso tenha um tempo é digitar o meu nome inteiro no google e o Sr vera um video meu falando em partes de astronomia bem obrigado até mais…73.

  17. Dorotéa Almeida Rios

    Muito interessante a matéria. Tenho interesse em participar do curso para amadores e adquirir um telescópio. Gostaria de receber o numero do telefone para contato.

  18. Milton Tavares Campos

    Dorotéa, os telefones no professor Riedel são: DDD 31, 3461-4479 e 8201-6416. Um abraço. Milton, editor.

  19. Tenho um telescópio do caríssimo professor Bernardo Riedel.
    Somos contemporâneos da Escola de Farmácia da UFMG onde ele foi também presidente do Diretório Acadêmico.
    Precisamos ser gratos pela presença de pessoas com as qualidades do Bernardo.
    Que bom que está em Minas, que bom que está em Belo Horizonte. Logo ali no Horto. Obrigado.

  20. Francisco Lepaus

    Olá eu gostaria de adquirir um telescópio equatorial de uns 150mm ou 200mm,poderiam me informar quanto seria??

  21. Editores

    Prezado Francisco, você pode entrar em contato com o professor pelos emails:
    riedel@telescopios.com.br, riedel.bernardo@gmail.com.
    O telefone do professor é 31-3461-9922, o endereço da fábrica é Rua João Carlos, 250, cep 31.030-360, Bairro Horto, Belo Horizonte – MG

  22. evando

    bom dia! quanto custa um telescopio desse?

  23. Alessandro

    Uma “ARTE DESTAS” custa em torno de 3,5 mil (um telescópio de 150 mm).
    Venho economizando há 3 anos para poder investir nesta maravilha.
    E claro poder ficar no local em algum hotel com a família paa poder participar do curso!
    Continue fime professor!
    Te liguei hoje mas a secretaria atendeu.
    Quem sabe amanhã!

  24. Elton

    Ola! Nao entendo nada de telescopios,mas quero comprar um para olhar a lua os planetas e as estrelas. Gostaria de saber o preco esta a partir de quanto? :)

  25. Conheço o professor Bernardo Riedel a mais de 10 anos, onde adquiri um telescópio refletor (newtoniano) em montagem equatorial.

    É uma pena que pessoas como ele não tenha nenhum incentivo do governo.

  26. José Cândido

    Conheço o professor Bernardo Riedel desde 1980 quando eu adquiri meu primeiro telescópio, foi um refletor de 150mm. Agora encomendei outro de 135mm e estou ansioso para fazer a primeira observação com este instrumento maravilhoso fabricado por ele. Já tive outros telescópios mas nenhum se compara com os fabricados por ele.
    Recomendo a todos os interessados em adquirir um telescópio, ótimo foco e iluminação perfeita de Aglomerados, Constelações, Muita perfeição na observação dos anéis de Saturno, Júpiter e suas luas, Marte, Lua Etc.

  27. Mário de Carvalho Ferreira

    Boa tarde Professor Bernardo Riedel. Fiquei muitíssimo feliz de saber através da Matéria da Folha de São Paulo, desta segunda-feira, dia 11/12/2017 sobre sua fábrica de telescópios.
    Sou APAIXONADO por Astronomia e gostaria muito de ter um telescópio para observar a obra de criado por Deus, ou seja, o Universo.
    Como posso conhece-lo???

    • Milton Tavares Campos

      Mário, boa tarde, boas horas. Os telefones do professor Bernardo Riedel são 31-3461-9922 e 31-98201-6416. Os Editores.

  28. noé de cerqueira fortes

    Prof. Bernardo Riedel, boa tarde. Quero adquirí um telescópio fabricado por você. Resido em Teresina/Piauí. Sou médico há 47 anos, graduado pela Fac. de Medicina da UFJF. Peço fazer contato via email. Grato, Noé Fortes

  29. Prof. Bernardo Riedel gratidão pelo seu trabalho ainda vou conhece-lo adoro fotografar o céu tenho um fascino muito grande com tudo isto ainda não tenho um telescópio é um sonho que tenho mais tudo tem a hora certe um abraço .

  30. Eu Francisco Ferreira Pires como arquiteto e como Secretário do Clube de Astronomia de Baturité É com muita honra que o professor Bernardo Riedel é o Presidente de honra do Clube de Astronomia de Baturité piresarquiteto@gmail.com celular 9597-6903 nosso clube fica na Rua Francisco mesquita pinheiro 651 Baturité CE cep 62760-000 http://www.clubeastrnomiabaturite.blogspot.com

Deixe um comentário