Tamanho da Letra: [A-] [A+]

Grupo de Música Medieval – A Canção das Iluminuras

Publicado por Editor em Eventos, Música
data: 23/11/2011

Manhãs Musicais FEA

Domingo, 27 de novembro de 2011, 11h

Sala Sergio Magnani

Rua Gonçalves Dias, 320 – B. Funcionários – BH – MG

Tel: 31-3226 6866

R$20 (inteira), R$10 (meia), R$1 (alunos FEA).

——————

Grupo de Música Medieval apresenta:

A Canção das Iluminuras

A Música na Corte de Alfonso X, Rei de Leão e Castella e a Devoção Mariana

Programa:

Prólogo

Santa Maria Strela do Dia

Muito Valvera Mas

Daque Deus Mamou

Imperatriz de la Ciudad Joiosa

Sabora Santa Maria

Como somos per Consello

Virgem Santa Maria Guardanos se te Apraz

Rosa das Rosas

Os Músicos:

Gabriel Peck: Canto /Saltério

Catia Neris: Canto

Marina de Paula, Robson Felicio: Flautas Doces

Patrícia Chow: Harpa, Canto

Nísia Maria: Espineta

Alexander Barbosa: Flauta Traverso, Gaita De Foles, Órgão Portátil

Romulo Salobrena: Rabeca, Gaita De Foles

Aloizio Brant: Percussão

Leopoldo Balestrini: Cornamusa/Crumhorn/Shawm

Lara Tanaka/Guilherme Bragança: Direção

Claudio Lages: Arranjos

Sobre o repertório

O repertório “A CANÇÃO DAS ILUMINURAS” abrange um conjunto de obras compostas entre os anos 1000 a 1400, com ênfase em duas grandes vertentes do cancioneiro medieval: a devoção mariana e o trovadorismo.

A música das Cantigas de Santa Maria é riquíssima e variada, observando-se as influências da chamada escola de Notre Dame, da canção francesa, melodias de tradição trovadoresca provençal e ocitana, da tradição portuguesa das cantigas de amigo, da música folclórica, da tradição árabe e das danças, constituindo-se um verdadeiro sumário da produção musical do ocidente. O apelo melódico inerente a estas cantigas é tão marcante que existem registros da incorporação de temas até mesmo no cancioneiro folclórico brasileiro. São cerca de 400 cantigas, compiladas em requintados volumes e ricamente adornadas por finíssimas iluminuras.

A composição das cantigas de Santa Maria foi realizada ao longo de quase vinte anos na corte do Rei Alfonso X, o sábio; tendo o próprio rei participado diretamente da sua criação e supervisionado a compilação das mesmas.

O seu conteúdo poético colocado em versos metrificados e rimas ricas, retratam aparições e feitos da Virgem, onde pequenos e grandes milagres são realizados, atendendo-se o apelo de reis, mendigos, mercadores, ladrões, peregrinos e monges, cujas histórias são uma compilação de lendas que circulavam de mão em mão pela Europa afora. Lendas que retratam acontecimentos postos sob uma luz religiosa, onde a música lhes dá veracidade e vida.

Sobre o Grupo de Música Medieval

O grupo de música “A Canção das Iluminuras” foi criado em torno do interesse pela música medieval, em especial as cantigas de Santa Maria, produzidas na corte de Leão e Castela, sob o reinado de Alfonso X, o sábio. É formado por artistas com as mais diversas formações e vivências musicais, que vão da música sinfônica à canção popular, possuindo hoje uma coleção de mais de dez instrumentos, réplicas daqueles usados nos séculos X a XVI.

 

Compartilhar este Artigo

Leia mais artigos em Eventos Música

Editor - O editor coleta noticias interessantes e publica para informação dos leitores.
Deixe um comentário