Español
Tamanho da Letra: [A-] [A+]

Na Era do Rádio

Publicado por Sebastião Verly em Crônicas, Memórias
data: 04/01/2010

Na Era do Rádio

Dizem que quando a gente vai ficando mais velho, a nossa mente lembra mais das coisas antigas. Por isso não me envergonho de contar causos dos anos de 1950 e muito próximos. Eu tinha meus oito anos (oh que saudades que tenho da aurora de minha vida) e muita vontade de entender o mundo.

Eu saía da minha casa em Pompéu, numa ponta de rua chamada Os Cristos, ninguém falava bairro dos Cristos, mas simplesmente “lá nos Cristos”, e ia visitar as minhas irmãs, filhas do primeiro casamento de meu pai. Na ocasião, eram cinco irmãs e um irmão solteiro. Dos Cristos à casa das meninas (era assim que referíamos à casa delas) era uma boa caminhada. Algumas vezes elas me davam a maior atenção, falavam que eu era muito inteligente outras vezes eu permanecia ali solitário vendo o movimento da casa e ouvindo o rádio. Até me levaram para morar com elas por um pequeno período.

Eu ficava até mais tarde na “visita” mais para ouvir o emocionante Julio Louzada. E foi justamente porque me esbarrei com um “site” na internet sobre aquele radialista que resolvi escrever. Para quem não viveu naquela Era, Júlio Louzada foi um locutor famoso, que fazia um programa diário, às 6 horas da tarde, quando recitava, com voz super empostada, a oração da Ave-Maria. Antes da oração, ele lia uma carta de ouvinte pedindo conselhos, e os dava graciosa e formalmente, como um consultor sentimental, um analista sem divã, mas com um microfone que lhe dava o renome que muitos psicólogos jamais tiveram em seus consultórios.

Como já escrevi alhures, na minha rua não tinha energia elétrica, portanto, não tínhamos rádio. Mas eu procurava ouvir rádio de vez em quando. Ouvi muito os discursos do Getulio Vargas e ficava esperançoso que os trabalhadores um dia tivessem vez. Mesmo assim, minha família continuava torcendo pelo Brigadeiro Eduardo Gomes, da Aeronáutica, candidato à Presidência da República pela UDN, bastante reacionário.

O rádio me prendia a atenção naturalmente. Eu não demonstrava o quanto me encantava aquele aparelho.

Mas o que me motivou a escrever hoje foi o velho Júlio Louzada. Na casa das minhas irmãs, aquele momento, 18 horas, era todo de contrição. Sentávamos todos diante do rádio Philips que ficava em cima da cristaleira. Ali, quase em transe, minhas irmãs ouviam a Ave Maria. Alguns dias, elas colocavam o copo d’água próximo ao rádio para benzer. Depois elas bebiam a água na espera de uma vida melhor.

Depois da Ave Maria, creio que tendo como fundo musical a Ave Maria de Gounod, o radialista Julio Louzada que muitos acreditavam padre, ou ex, dava os seus conselhos. E a apresentação dramatúrgica era de fazer inveja aos atores das novelas de hoje. Na maioria das vezes os conselhos eram para pessoas com a tal dor de cotovelo. Reclamavam da perda de um amor, de uma traição ou de uma frustração. Deve ser por isso que minhas irmãs, duas solteiras até hoje, além de duas que morreram solteironas, enchiam seus olhos de lágrimas.

Gerou até uma música de carnaval, cuja letra era mais ou menos assim: “A mulher de meu melhor amigo, me manda bilhete todo dia, desde que me viu ficou apaixonada. Me aconselha Julio Louzada.”

Eu cresci e percebi que havia tudo de ingenuidade, naquela gente simples-simplória que procurava seguir (ou não?) os conselhos daquele radialista desconhecido.

E cheguei à conclusão que o mundo progrediu muito e ninguém hoje acreditaria mais num conselheiro pelo rádio, jornal e televisão.

Pensava assim até que minha mente me traiu ou me salvou, sei lá. Trouxe uma situação tão presente que descobri que ou eu não estou tão velho, ou a história de que gente não se lembra dos fatos recentes é balela.

Quem não conhece o picareta Antonio Roberto que de tanto dar conselhos pela TV, candidatou diretamente a Deputado Federal, por Minas Gerais, e deve ter mandato vitalício, graças aos seus programas “a la Julio Louzada”, no rádio, na TV e nos jornais.

Compartilhar este Artigo

Leia mais artigos em Crônicas Memórias

Sebastião Verly - Sociólogo, Cronista, residente em Belo Horizonte - MG.
53 Comentários
  1. dagmar

    pensei que não encontraria nada mais sobre Julio Louzada, é verdade o homem é eterno quando sua memória permanece. A voz de Julio Louzada é ambivalente (semente boa e terra fértil ao mesmo tempo) Parabéns!

  2. Alberto Ferreira Cabral

    Eu também recordo do meu pai ligar o radio todos os dias para ouvir o programa de Julio Louzada todas as tardes.

  3. Mauro de Souza

    É uma grande verdade quando paramos pra lembrar de algo do passado, então me vem à memória Julio Louzada, eu era um menino quando minha mãe colocava na Rádio Tupi e ouvia a voz do inesquecivel Julio Louzada, fica na paz aonde teu espirito estiver, homem de fibra em vida, PORTADOR DE UMA VOZ maravilhosa, hoje aquele menino um Homem de 43anos …saudades Julio Louzada !!!!!!!!!!!!

    • Márcia Ribeiro Kunze.

      Boa tarde.
      Estava procurando no youtube,e não encontrei a oração da Ave Maria, na voz de Júlio Louzada. Brasil, terra de pessoas sem memória; mas o que não presta para união familiar tem muito.
      Inclusive vídeos proibidos.

      Que coisa lamentável.

      Márcia Ribeiro Kunze.

  4. luzia felipe

    Tenho 52 anos e há um mês perdi minha querida mãezinha, isto me trouxe lindas recordações da minha infância, quando ela, às 18hs, nos falava que era hora de parar a brincadeira para, em volta do rádio, ouvirmos a ave-Maria com op Júlio Louzada e depois bebermos um pouco da água de um copo, colocado ao lado do rádio. A musica que introduzia o programa era a Ave-Maria de Gounod, que marcou muito minha feliz infância ao lado da mina mãezinha e irmãos, foram os entardeceres mais lindos da minha vida. Lembro-me quando ele faleceu, se não me engano, no final dos anos 80.

    • Lucio

      Era exatamente assim. Minha mãe, que também está junto ao Senhor, também fazia com que nós parássemos tudo que estivéssemos fazendo para ouvir a oração e depois bebermos a água colocada no copo. Que saudade desse tempo! Que saudade de minha mãe!

  5. jota junior

    Julio Louzada faz muita falta no radio principalmente com as saus orações no final da tarde, era uma epoca boa principalmente nos anos de 70 e 80. Quanta saudade.

  6. Vicente

    Boa tarde amigo.
    Procurando na internet por alguma referência ao grande radialista Júlio Louzada, me deparei com essa crônica maravilhosa. Confesso meu amigo, que cheguei às lágrimas ao me lembrar da minha querida avó, rezando ao lado do seu inseparável rádio, sintonizada na rádio Tupi, no inesquecível programa do Julio Louzada.
    Dizem que quem vive de passado é museu, o que eu digo é que RECORDAR É VIVER !!!!!
    Parabéns meu amigo, por essa recordação maravilhosa e que povoou os melhores dias de minha infância !!!
    Um grande abraço e que DEUS ABENÇOE você e a todos os seus!!!
    Vicente

  7. Rosangela

    Eu tb me lembro da minha mãe geralda ouvindo a oração da Ave Maria com Julio Lousada e eu tb rezava juntinho com minha mãe, nós duas ouvia com muita Fé………

  8. Janaina

    Meu Deus, que saudade! Eu me lembro da Ave-Maria, mas também tenho em minha memória a novena ao Menino Jesus de Praga. Maravilhosa, numa voz inesquecível. Isso na década de 70. Seria o mesmo radialista?

    • Celso

      Sim, Janaína é o mesmo, eu tbém ouvia a novena ao Menino Jesus de Praga, quando criança. Qta saudade!!!!

    • lucinaria

      e é justamente isso que procurava, e que me fez devota do Menino Jesus de Praga: até hoje tenho comigo uma imagem D’Ele, antiga, de ombro lascado por causa de uma bolada que atravessou da rua à janela da sala de minha casa: a devoção pelo Menuno Jesus de Praga. Que doce saudade de tempos que não voltam mais, a família ao redor do radinho ouvindo, rezando e depois bebendo da água benta…

  9. Ana Diva Serrano.

    Hoje recordando o passado com minha prima Adriana, lembrando de nossa infância, nos veio a lembrança da ave maria de Júlio Louzada, os tempos em que apesar das dificuldades eramos muitos felizes.E contamos para minha filha como era ser criança naquela época, era como viver a história do menino maluquinho no filme, em plena década de 70.

  10. julio cesar da costa

    Lembrar de Julio Louzada é inesquecível, e como voltar no tempo antigo quando o povo dava importância aos valores morais, quando era importante ficar reunido com a familia ouvindo suas orações. Será que não tem nenhuma rádio que possa fazer uma réplica desse programa? Será que não há nenhuma rádio que possa fazer voltar esse programa que tanto nos ensinou quando éramos pequenos e que possa ensinar hoje os nossos filhos o real valor de orarmos?

  11. será que não há nenhuma rádio que possa fazer voltar esse programa que tanto nos ensinou quando éramos pequenos e que possa ensinar hoje os nossos filhos o real valor de orarmos?

  12. Fiuza

    Me lembro dos anos 50 quando a gente corria para perto do rádio as 18 horas para todos juntos ouvirmos e rezarmos com o saudoso Júlio Louzada. Depois de adulto ainda tive a glória de, oportunamente, poder ouvir a oração da Ave Maria com ele. Pouco tempo depois veio a falecer. Mas a memória daquela voz que me dava ânimo e esperança ainda soa nos meus ouvidos todos os dias, no mesmo horário. Deus lhe abençoe onde quer que esteja, eterno Júlio Louzada. Te devo muito…

  13. Carlos Henrique

    Fiquei muito emocionado quando depois de mais de 30 anos ouvi novamemte a voz de Júlio Louzada.
    Gostaria de saber se existem algum site com mais gravações dele.

    • Marcos Antonio

      Onde voce escutou a voz do Julio Louzada? Foi em algum CD,enfim,poderia me informar? gostaria muito de ouvir as orações dele.

    • estanislau stempniak

      gostaria de saber aonde vc pode ouvir novamente a voz desse fenômeno da radio brasileira, que é o nosso saudoso Julio Louzada ,
      sou grato desde já por essa informação, abraços…

      estanislau….

  14. pedro gomes da silva

    Adorei a reportagem e li todos os comentarios,todos maravilhosos. Me lembro que na decada de 70, morava em uma ciddade do interior de Sergipe ( Propriá )e quase todas as noites ouvia a oração da Ave Maria,oração ao Menino Jesus de praga e as cronicas, que só Julio Louzada sabia fazer com tanta emoção,que me tornei devoto ao menino Jesus de praga ao qual agradeço tantas graças alcançadas. Julio Louzada,descanse em PAZ,todos nos brasileiros sentimos saudades de você.

  15. pedro gomes da silva

    Se alguem tiver alguma reliquia de julio louzada ( oração da Ave Maria, oração ao Menino Jesus de praga , cronicas, etc.)me informe atraves do Email pegomsil@bol.com.br, ficarei bastante grato e entrarei em contato.

  16. claudio ferreira

    gostei de saber que tem muita gente que ainda lembra dos tempos aureos do radio tambem ouvia a oracao da ave maria com um copo de agua que bebiamos apos o termino da oracao onde estiver, Julio Louzada, saiba que vc sera lembrado pra sempre

  17. Oscar

    Eu cresci escutando o Júlio Louzada, que fazia parte da programação da rádio em minha casa. Ele tinha um programa às 17 horas, chamado “Pausa pra meditação”, que o Brasil inteiro acompanhava. As pessoas escreviam cartas e contavam problemas, que eram dramatizados por atores da rádio Tamoio. Ao final do programa estava todo mundo chorando, era emocionante! Logo após entrava a “Ave Maria” e outra vez era aquele chororô! Grande Júlio Louzada, que mexeu com o coração de muita gente!

  18. Hermogenes Piazzi

    Vi o comentário dos antigos ouvintes e admiradores do famoso programa do Júlio Louzada e a Oração da Ave Maria, que também recordo com muita saudade. Porém, ao invés da Radio Tupi o que me vem à mente é q seu programa passava na antiga Rádio 9 de Julho, de SP. Agora, uma frase marcante dele que não citada acima é que “… a fé remove montanhas…”…; e assim, volta e meia declamava ele: “… já vistes o balançar das ondas do mar ?….” Realmente, muita falta faz um programa daquela qualidade e carisma para as atuais gerações, especialmente, crianças e jovens do Brasil … Mas, se espera q cada um tenha mantido e praticado sua Fé!

    • verly

      Fico feliz quando você e os demais prestigiam meus escritos. Meu interesse é ajudar a preservar o que já foi.
      Muito obrigado.
      Verly

  19. Francisco

    - Boa Tarde. Quanta saudade!!!
    Eu, minha mãe e meu irmão ouvíamos a oração da Ave Maria, todo santo dia, na voz marcante de Júlio Louzada. Era sagrado e dava-nos força para seguir vivendo.
    Obrigado pela lembrança!!!

  20. Ricardo Nunes

    Como gostava de ouvi-lo e como gosto de recordar essa época foi fundamental para minha formação moral , Julio Louzada era um bom pastor.

  21. Sebastião Verly

    SEU COMENTÁRIO CONFIRMA MEU OBJETIVO COM ESTE TRABALHO.
    VERLY

  22. Cilene Sampaio

    Que saudades!!! Afinal quando morreu o Julio Louzada?

    • Marcos Antonio

      Morreu em 2006 e foi sepultado em Maceió.

  23. Marcos Antonio

    Quanta saudade! Hoje me lembro e me emociono…já se vão 31 anos desde a última vez que o escutei,em 1984, na Rádio Tupi.
    Alguem saberia me dizer se existe alguma obra com as orações do Julio Louzada? Onde posso encontrar?

  24. Lucinária Santos

    Compatilho com todas estas opiniões. Saudade dos tempos em que a tecnologia não influenciava na vida das pessoas, onde elas tinham tempo de se reunirem na porta de casa para conversarem, fazerem uma visita aos parentes e amigos, tempo em que o contato com as pessoas era o mais importante. Saudade das demonstrações de fé exposta de forma tão singela e sincera. Lembro-me da meninada brincando na porta de casa e na hora da Ave Maria com Julio Louzada, era uma correria, cada um ia para casa rezar com a familia e depois tomar da água benta, fazendo pedidos tão singelos. Depois voltavam a brincadeiras de pés descalços…

  25. Lucinária Santos

    Existe a remota possibilidade de encontrar o audio de um programa completo narrado pelo saudoso Julio Lousada? seria uma feliz e bela viagem nas minhas mais doces lembranças…

  26. jose macedo da silva

    Gostaria de ouvir ele rezar (como fazia todos os dias as 18:00 horas), a ave Maria e gravar.
    Eu era muito pequeno e na minha cidade de Itirapuâ SP, todos rádios estavam ligados para ouvi-lo e o som era muito alto, para que todos ouvissem, mesmo os que não possuíam rádio. Havia um respeito muito grande, de todos, naquele momento.
    É muita saudade.

  27. SE EU PUDESSE VOLTARIA NO TEMPO. E LEMBRAR MEU FALECIDO AVÕ SENTADINHO NO CANTINHO DELE FAZENDO SUAS ORAÇÕES.

  28. CELSO DE MG

    OLÁ PESSOAL EU LI TODA A CRÔNICA ASSIM COMO LI TODOS OS COMENTÁRIOS, CONFESSO A TODOS QUE VOLTEI NO PASSADO POIS TUDO QUE FALA DE JULIO LOUZADA ME TRÁS BONS FLUIDOS, ERA UM HOMEM DO BEM QUE SUA ORAÇÃO TENHO CERTEZA NORTEOU MUITAS PESSOAS BRASIL AFORA E ESTOU FALANDO PRINCIPALMENTE POR MIM, MINHA MÃE TAMBÉM FAZIA ISTO TODAS AS TARDES AS DEZOITO HORAS E REZAVA PELOS DOENTES, LEMBRO AINDA QUE UM TIO MEU ESTAVA EM BH PARA SER SUBMETIDO A UMA CIRURGIA CARDÍACA E TODAS AS TARDES REZÁVAMOS JUNTOS PEDINDO BENÇÃOS PARA ELE, QUE FICOU BEM NAQUELA ÉPOCA, ONDE VC ESTIVER JULIO LOUZADA TENHO CERTEZA QUE VC ESTÁ BEM, AGRADEÇO MINHA QUERIDA MÃE POR TER TIDO SEMPRE A FÉ E NOS ENSINADO QUE PESSOAS DO BEM TEM A DÁDIVA DE FAZER COM AS PESSOAS FIQUEM BEM. UM FORTE ABRAÇO A TODOS(AS)

  29. eu também amo julio louzada rezei muito com ele a orção do menino jesus e rezo ate hoje sempre melembro dele. meu pai que ja esta no ceu. nos dois sempre as dezoito horas paravamos, para ouvir a linda voz do julio louzada rezando a ave maria. Bom tempo. obrigada você tambem esta com Deus

  30. ISRAEL JULIO RAMOS

    CAROS AMIGOS E AMIGAS, SAUDAÇÕES.
    PERCEBO O NOTÓRIO INTERESSE DE TODOS OS PARTICIPANTES E COMENTARISTAS DO BELO ARTIGO, ESCRITO PELO AUTOR SEBASTIÃO VERLY, LEITURA ESTA QUE NOS REMETE AO PASSADO, SOB A BATUTA DO SAUDOSO JULIO LOUSADA.
    CONTUDO, SINTO QUE NINGUÉM CONSEGUE MATAR ESTA SEDE AUDITIVA, VAMOS NOS UNIR EM BUSCA DE UM ÁUDIO, DA HORA DO ANGELUS, DA PRECE DA AVE MARIA.
    ALGUÉM QUE TENHA ACESSO A RADIO TUPI, VAMOS BUSCAR UM ÁUDIO DESTE GRANDE LOCUTOR DE NOSSAS MEMORIAS E COMPARTILHÁ-LO

  31. O rádio e sua história sempre serão eternos. Aqui na minha cidade Juazeiro, Norte da Bahia, o rádio surgiu no início da década de 1950. Dessa época até 1964, só tínhamos uma luz fraca (á óleo)fornecida pela Prefeitura Municipal, das 18h00 ás 22h00 no máximo. Então na hora da Ave-Maria, nas poucas casas que possuíam um rádio, lá estava em cima do aparelho, um copo com água, para que através das abençoadas palavras de Júlio Lousada, esta água pudesse ser fluidificada e utilizada pela família, como curas e benefícios outros. As novelas e outras informações obtínhamos neste curto espaço de tempo. Hoje, vivendo no tempo das facilidades, analisamos que a rádio Tupi foi de fundamental importância não só para o sertão Juazeirense, mas para todo este imenso Brasil.

  32. ligia

    O meu pai comenta que umas das frases de Júlio Lousada era” a vida é uma passagem rápida pela terra”.

  33. giovanni louzada

    Nunca me esqueci de sua voz e principalmente do encanto que suavemente como se fosse um perfume o som de seus timbres me encantavam, espalhando fé em suas orações em que me encontrava de casa em casa e todas elas no mesmo silencio as seis horas o radio escutava,num silencio universal, tudo parava para ouvir sua oração, com copos de agua sobre a mesa velas acesas com santos ou não, de joelhos ou simplesmente em pé ou sentado, tudo parava em sua oração, creio e tenho ate hoje relatos de tantas dores e sofrimentos que já passaram e muitas construções feitas no espirito através de Júlio Louzada e sua inabalável fe…Não deixamos morrer este milagre

  34. verly

    Muito obrigado pelos comentários de pessoas tão sensíveis.

  35. nice diniz

    Onde posso encontrar mais orações na voz de Julio Louzada?

  36. nice diniz

    onde encontrar a Ave Maria de Gounod que Julio Louzada cantava às 18 horas?

  37. verly

    Se encontrar alguém que a tenha pedirei para você. Acho difícil porque naquele tempo era bem raro gravar.

  38. giovanni louzada

    Lembro me muito bem nesta época em que praticamente aquela hora 6,00h o bairro em que eu morava parava para ouvir a oração da Ave Maria, como eu conhecia todo mundo neste pequeno bairro eu ia de casa em casa de amigos e via que todos, ou a maioria estava com o radio na estação preparando um copo com água ou até mesmo uma vela para fazer a oração com Júlio Louzada, aquela época creio que os fiéis eram mais fervorosos e respeitadores dos valores cristãos e ou católicos, o respeito e a fé a Deus estava a flor da pele o qual a gratidão e a bondade se estendia aos povos de benefícios de colaboração entre uns e outros, seja na doença na falta de alimento, abrigo, conselhos e etc.

  39. Julio Cesar

    Com a sua licença, faço minhas as suas palavras sobre o nosso velho Julio Louzada, também tinha entre 8 e 10 anos quando, às 18 horas ouvia os seus conselhos, sem precisar porque era criança, e a sua Ave Maria de Charles de Gounod. Parabéns pelo seu relato que me fez voltar ao passado distante.

  40. José Carlos Costa

    Papai e Mamãe junto com 3 irmãos lembro me muito bem nesta época anos 60 em que praticamente aquela hora 6,00h em Bairro São Jose em Aracaju/Se em que eu morava parava para ouvir a oração da Ave Maria, como eu conhecia todo mundo neste pequeno bairro via que todos, ou a maioria estava com o radio na estação preparando um copo com água ou até mesmo uma vela para fazer a oração com Júlio Louzada, aquela época creio que os fiéis eram mais fervorosos e respeitadores dos valores cristãos e ou católicos, o respeito e a fé a Deus estava a flor da pele o qual a gratidão e a bondade se estendia aos povos de benefícios de colaboração entre uns e outros, seja na doença na falta de alimento, abrigo, conselhos e etc.

  41. Priscila Andrade

    Gente!!! Hoje ao me deitar fui rezar impondo as mãos sobre minha filha e não sei porque me recordei da oração ao menino jesus de praga que ouvia junto com a minha tia. Tenho uma lembrança remota, pois tenho 33 anos e tanto que nem sabia o nome do locutor, mas me veio muito forte esse momento e lendo os comentários acima ai é que as pequenas lembranças ficaram mais fortes. Procurando algo na NET achei achei uma interpretação do saudoso Júlio louzada, para quem se interessar o link está abaixo. Abraço a todos. http://m.radios.ebc.com.br/todas-vozes/edicao/2015-07/radio-familia-e-agua-nos-copos-ave-maria-era-com-julio-louzada

  42. Priscila Andrade

    Pessoal encontrei mais um áudio com oração da Ave Maria onde informa que a voz é do Júlio Louzada. Segue o link http://www.recanto das letras.com.br/áudios/crônicas/40171

  43. Francisco Peixoto

    - Boa noite amigos saudositas!!!
    Durante um bom tempo de minha juventude, cheio de dúvidas e incertezas, eu orava a DEUS e fiz muitas vezes a Novena do Menino Jesus de Praga. Como me ajudou a encontrar um pouco de paz em momentos tão conturbados de minha vida!!!

  44. giovanni louzada

    Tenho saudades do tempo da radio em que Julio Louzada fazia sua prece da Ave Maria e o Pai Nosso…

  45. ÁLEX RAMOS

    Quando pequeno todas as noites as 6 horas minha bisavó Cae de coque no cabelo , acendia seu cachimbo e se juntava frente ao Radio para ouvir o Angelus com o Julio Lousada falando do Menino Jesus de Praga. Um momento mágico e insequecível
    Um momento em que o dia parava e o silêncio da noite acalmava a casa ,o bairro a Cidade e o mundo .
    Esta cena ficou gravada em minha memória a vida toda
    e foi este ato sem palavras que me tornou Católico…..
    Obrigado minha vó ,,
    Benção do seu neto ainda aqui na Terra.

Deixe um comentário