Tamanho da Letra: [A-] [A+]

Comentários dos Leitores – 1ª. Quinzena de Março 2011

Publicado por Editor em Espaço do Leitor
data: 16/03/2011

Mario Celso sobre o artigo ”FX2: Lula decide Caças nos próximos dias” de Afonso Machado

Será que o Lula teve medo de errar, faltou visão ou seria um indeciso nato? Agora com a visita do Presidente Barack Obama os americanos vão usar toda sua diplomacia e a simpatia do presidente e sua familia para vender o seu caça. Até o candidato republicano derrotado por Obama, John McCain veio ao Brasil dar garantias de transferência de tecnologia. A Boeing propõe até multas pesadas para o descumprimento desta clausula. O problema é que nos Estados Unidos ninguem controla os Serviços Secretos. Estes é que consideram o Brasil uma ameaça a longo prazo e têm todo o poder para inviabilizar a transferência de tecnologia.

——————————————

Marcilla sobre o artigo “Limpeza Urbana em Belo Horizonte – parte 6” de Fátima Abreu

quem são os dois grandes compradores de BH?

———————————————–

Resposta da Autora:

Marcilla,

Os dois grandes compradores de recicláveis em Belo Horizonte são os depósitos Santa Maria e CRB. Fico à disposição para qualquer outro esclarecimento.

Obrigada pelo seu interesse.Fátima Abreu (autora)

—————————————————-

Mauro de Souza sobre o artigo “Na Era do Rádio” de Sebastião Verly

É uma grande verdade quando paramos pra lembrar de algo do passado, então me vem à memória Julio Louzada, eu era um menino quando minha mãe colocava na Rádio Tupi e ouvia a voz do inesquecivel Julio Louzada, fica na paz aonde teu espirito estiver, homem de fibra em vida, PORTADOR DE UMA VOZ maravilhosa, hoje aquele menino um Homem de 43 anos …saudades Julio Louzada !!!!!!!!!!!!

—————————————————

Maria Antonia /Mandaguari PR sobre a coluna “Portais de Utilidade Pública na Internet”

Maravilha, eu aprecio e muito esse portal uma informações e formação inteligente e lúcida em meia a tantas “porcarias”. Quero continuar recebendo este portal grata!

————————————————–

Ellen sobre o artigo “Itacambira festeja São Sebastião” de Milton Tavares Campos

Muito legal seu trabalho, amei principalmente o vaqueiro q segura a bandeira

————————————————–

Tarcila sobre o artigo “Perigos na Adolescência – parte 2” de Carlos Bittencourt Almeida

Acompanho, com interesse, suas publicações.

————————————————

RICARDO sobre o artigo “Crônica de Ficção” de Sebastião Verly

gostei demais nunca vou esquecer

consegui fazer o trabalho!!!!!!!!!!!!

————————————————-

Neusa – Belo Horizonte MG sobre o artigo “Infra-estrutura é o desafio da RMBH para a década”

Quando o assunto é a chamada Mobilidade Urbana, todos pensam em grandes investimentos em viadutos, metrô, VLT e agora até o trem bala. Mas fico pensando que muitas medidas podem ser tomadas usando apenas a inteligência. Sabemos que para a Copa do Mundo de 2014 a FIFA e a Comissão de Organização está muito preocupada com a mobilidade e facilidade de acesso aos estádios. Aqui deixo uma sugestão para Belo Horizonte. O maior problema que sinto como freqüentadora do Mineirão é o congestionamento na saída dos jogos, simplesmente porque todos saem na mesma hora. Aqui a sugestão: OS ONIBUS QUE CARREGAM A GRANDE MAIORIA DOS TORCEDORES PODEM USAR AS VIAS INTERNAS DO CAMPUS DA UFMG que é vizinha ao Mineirão, circulando dentro do campus com as portas fechadas, para evitar o argumento que geraria invasão e insegurança no Campus. Seria necessário criar apenas um EMBARCADOURO, COMO UMA PRAÇA CIRCULAR DO LADO DE DENTRO DO CAMPUS ONDE OS ÔNIBUS FARIAM O EMBARQUE E O RETORNO. TENHO DITO.

—————————————————–

Neusa – Belo Horizonte MG sobre o artigo” A revolução dos catadores” de Heliana Kátia Tavares Campos

Quando vejo os catadores de lixo no meio do trânsito pesado de BH com seus carrinhos que são os mesmos de décadas atrás, fico pensando se não seria mais razoável que eles usassem motocicletas para puxar os carrinhos, que neste caso poderiam ser maiores, dando mais eficiência e dignidade ao trabalho.

Como a autora diz que acompanha a tantos anos este trabalho, poderia me esclarecer: porque a tração humana em pleno século XXI?

——————————–

Giuseppe Persichinni sobre o artigo “Bairro Mangabeiras – BH: llamas, paramilitares e vaias” de Sebastião Verly

À guisa de colaboração com seu site envio notícia e comentário sobre FALSOS CONDOMÍNIOS.

(AVILESP – ASSOCIAÇÃO DAS VITIMAS DE LOTEAMENTOS E CONDOMÍNIOS RESIDENCIAIS DO ESTADO DE SÃO PAULO ::.)

Falsos “condomínios”

No calamitoso e catastrófico caso de loteamentos e bairros transformados em “falsos condomínios” há sinais claros e evidentes de corrupção, principalmente em Cotia, onde autoridades municipais apóiam o golpe, o que ocorre também em vários outros municípios do Estado de São Paulo.

Causa perplexidade e indignação decisões de alguns juízes e desembargadores que, mesmo constatando pela escritura e seu respectivo registro tratar-se de loteamento ou de um bairro e sem que as administradoras (que agem sempre em nome das “associações”) juntem a ficha de associação do proprietário e o competente laudo pericial do alegado enriquecimento sem causa (para apropriadamente quantificá-lo) condenam os cidadãos a pagar por obras e serviços de manutenção que não contrataram, não querem e nem desejam.

Acrescente-se que essas autoridades (juízes e desembargadores) sabem e tem claro que tais serviços (manutenção, limpeza e obras e em vias públicas) são constitucionalmente reservados ao poder público.

O que está acontecendo para que essas autoridades descumpram a Constituição Federal, revoguem o título de propriedade regularmente registrado (art. 5º, XXXVI) e privilegiem com suas sentenças/acórdãos organizações particulares que por sua conta e risco usurpam funções públicas com o único objetivo de ganhar dinheiro. Muito dinheiro.

Longe de promover a Justiça e a pacificação dos conflitos, esses juízes e desembargadores estão fortalecendo um novo Estado: o Estado Paralelo, uma vez que meras mensalidades associativas – se todos a elas ficam obrigados – passam a se constituir na realidade num novo e pesado imposto praticado à margem da lei.

Percepção de corrupção

A ONG Transparência Internacional divulgou, na terça-feira (23/9), relatório em que o Brasil aparece em 80º lugar na lista dos países com os mais altos índices de percepção de corrupção. Pelo documento, o país caiu oito posições em relação ao ranking divulgado ano passado. Com um índice de 3,5 na tabela — mesma nota registrada em 2007, o Brasil está em pior situação que países pobres como Butão, Botsuana, Gana e Seichelles. Segundo a ONG, a mudança de posição no ranking pode ser provocada pela alteração da nota em outros países.

A reportagem é do jornal O Globo.

Compartilhar este Artigo

Leia mais artigos em Espaço do Leitor

Editor - O editor coleta noticias interessantes e publica para informação dos leitores.
Deixe um comentário