Turismo

Brasil sem fronteiras – parte III

Publicado por Sebastião Verly
Data da publicação: 20/11/2018

Região Nordeste A região nordeste oferece praias originais, desde as mais calmas até as mais bravias e encantadoras. Cada Estado da região oferece o que há de mais belo. No Piauí, o Parque Nacional da Serra da Capivara tem mais de 700 sítios arqueológicos com pinturas rupestres, peças de cerâmica e esqueletos de eras remotas. O Delta do Parnaíba, divisa de Piauí e Maranhão, formado pelo rio Parnaíba, entre o Piau...

Festas religiosas no Grande Sertão – parte 2

Publicado por Padre Joao Delco Mesquita Penna
Data da publicação: 07/06/2018

A Festa começa com preparativos da sua maior atração inserida na tradição a poucos anos atrás, que é a Cavalgada. Um dos pontos altos deste dia é mesmo a Cavalgada, que caiu no gosto de todos: crianças, jovens e adultos, esperam com ansiedade o ano inteiro, pela chegada do momento da Festa. Depois de degustar um belo café da manhã com pão de queijo e biscoito de peta, polvilho, é hora de pegar a montaria, e começ...

Festas religiosas no Grande Sertão – parte I

Publicado por Padre Joao Delco Mesquita Penna
Data da publicação: 29/05/2018

O povoado de Serra das Araras, distrito do município de chapada Gaúcha, cravado no coração do enigmático Grande Sertão Veredas, no Norte-noroeste de Minas Gerais, há mais um século recebe anualmente milhares de peregrinos por ocasião da Romaria de Santo Antônio, uma das maiores festas religioso-culturais da região. O nome do povoado tem origem nas cabeceiras dos rios Preto e Pardo, afluentes do Paracatu, onde se for...

São Romão, 300 anos de fé – parte III

Publicado por Padre Joao Delco Mesquita Penna
Data da publicação: 13/07/2015

Estas histórias deveriam ser muito mais conhecidas nos meios acadêmicos, contadas nos livros didáticos de história, com o objetivo de fomentar a informação, formar opinião e incentivar o turismo local, sobretudo o turismo cultural e religioso. A região do Entre Vales, situada entre os rios Urucúia e Paracatu, afluentes da margem esquerda do Rio São Francisco, no Norte de Minas Gerais, que sempre serviu de referência...

São Romão, 300 anos de fé – parte II

Publicado por Padre Joao Delco Mesquita Penna
Data da publicação: 07/07/2015

Para refletir o cenário, quero tomar como base a cidade de São Romão. A sua história remonta em torno de trezentos anos, desde que se tornou conhecida a Vila Risonha de Santo Antônio da Manga de São Romão. Segundo o historiador Xico Mendes, esta vila fecundou revolução nos corações de Maria da Cruz e do Padre Antônio Mendes Santiago. Em 1831, o arraial passa a condição de vila, e foi elevado à condição de Muni...

Itacambira – 4ª parte

Publicado por Sânia Campos
Data da publicação: 17/11/2009

Deixamos as ruínas do rancho e agora convencidos de que o lugar não era apropriado para o nosso lanche, nos dirigimos para a carroceria do carro. Sob a orientação meticulosa do ex-mestre-escoteiro Carlinhos limpamos os sapatos, sacudimos roupas e sacolas para que nosso refeitório ficasse bem limpo e seco. Saboreamos com apetite as quitandas. Encontramos um baralho, mas o tempo foi preenchido por nossas conversas. Cerca de...

Itacambira – terceira parte

Publicado por Sânia Campos
Data da publicação: 09/11/2009

Iniciamos nossa caminhada. Estávamos descendo uma das encostas da Chapada conhecida como “Água Limpa”, que faz parte da Serra do Espinhaço, serra que começa perto de Ouro Preto, Minas Gerais, ruma para noroeste na direção de Belo Horizonte, e daí vai decididamente para o Norte, separando as bacias do rio São Francisco das bacias do leste, assumindo várias formas como a Serra do Cipó, o Serro, Diamantina, passa po...

Itacambira, Parte 2

Publicado por Sânia Campos
Data da publicação: 28/10/2009

Finalmente na quarta-feira, dia 31 de janeiro de 2007, fui conhecer Itacambira com suas águas, ou como gosta de dizer uma historiadora de lá, as águas que batizaram a guerreira Diadorim. Um amigo que freqüenta Itacambira há mais de 30 anos me disse que quando conheceu o lugar se enfeitiçou. Encantou-se com o lugar que lhe lembrou Xangrilá, do filme Horizonte Perdido, pela pureza das águas e pela inocência do povo. Lá...