Homenagens

Obrigada, Vô!

Publicado por Lara Montenegro
Data da publicação: 30/03/2017

E como é difícil a gente se despedir… De um tempo, de uma história, de uma geração… daquilo e daquele que nos é fundante, em termos de matéria, de afeto, de vínculo, de vivências, de trajetórias, de identidade, de pertencimento. Origens. Estar no Ceará pra me despedir do meu vô, da casa da família, dos quadros nas paredes, dos cheiros da infância, das festas cheias de dança e comida farta e discursos...