Arquivo do Autor

Festas religiosas no Grande Sertão – parte 2

Publicado por Padre Joao Delco Mesquita Penna
Data da publicação: 07/06/2018

A Festa começa com preparativos da sua maior atração inserida na tradição a poucos anos atrás, que é a Cavalgada. Um dos pontos altos deste dia é mesmo a Cavalgada, que caiu no gosto de todos: crianças, jovens e adultos, esperam com ansiedade o ano inteiro, pela chegada do momento da Festa. Depois de degustar um belo café da manhã com pão de queijo e biscoito de peta, polvilho, é hora de pegar a montaria, e começ...

Festas religiosas no Grande Sertão – parte I

Publicado por Padre Joao Delco Mesquita Penna
Data da publicação: 29/05/2018

O povoado de Serra das Araras, distrito do município de chapada Gaúcha, cravado no coração do enigmático Grande Sertão Veredas, no Norte-noroeste de Minas Gerais, há mais um século recebe anualmente milhares de peregrinos por ocasião da Romaria de Santo Antônio, uma das maiores festas religioso-culturais da região. O nome do povoado tem origem nas cabeceiras dos rios Preto e Pardo, afluentes do Paracatu, onde se for...

São Romão, 300 anos de fé – parte III

Publicado por Padre Joao Delco Mesquita Penna
Data da publicação: 13/07/2015

Estas histórias deveriam ser muito mais conhecidas nos meios acadêmicos, contadas nos livros didáticos de história, com o objetivo de fomentar a informação, formar opinião e incentivar o turismo local, sobretudo o turismo cultural e religioso. A região do Entre Vales, situada entre os rios Urucúia e Paracatu, afluentes da margem esquerda do Rio São Francisco, no Norte de Minas Gerais, que sempre serviu de referência...

São Romão, 300 anos de fé – parte II

Publicado por Padre Joao Delco Mesquita Penna
Data da publicação: 07/07/2015

Para refletir o cenário, quero tomar como base a cidade de São Romão. A sua história remonta em torno de trezentos anos, desde que se tornou conhecida a Vila Risonha de Santo Antônio da Manga de São Romão. Segundo o historiador Xico Mendes, esta vila fecundou revolução nos corações de Maria da Cruz e do Padre Antônio Mendes Santiago. Em 1831, o arraial passa a condição de vila, e foi elevado à condição de Muni...

São Romão, 300 anos de fé – parte I

Publicado por Padre Joao Delco Mesquita Penna
Data da publicação: 25/06/2015

“A religião desponta na alma assombrada do homem primitivo e permanece na raiz do espirito humano.” (autor desconhecido) A Região do Médio São Francisco, entre os vales do Urucuia e Paracatu, no Estado de Minas Gerais, que tomo a liberdade de chamar de Entre Vales, onde se destaca a cidade de São Romão, é, sem dúvida alguma, uma das mais ricas em patrimônio cultural do estado. Neste artigo, além de defender sua p...

A Dom Geraldo, com ternura

Publicado por Padre Joao Delco Mesquita Penna
Data da publicação: 15/06/2015

Dom Geraldo Magela de Castro, arcebispo emérito de Montes Claros, aos 84 anos de idade, com mais de 60 dedicado ao ministério sacerdotal, chegou ao final de uma vida permeada de amor ao próximo, sobretudo respeito e solidariedade a seu clero e a seus fiéis. Dom Geraldo foi acometido por uma doença incomum, conhecida como ELA (Esclerose Lateral Amiotrófica) que o levou à entrega total nos braços do criador, falecendo em...

Sacerdócio e Política – Parte 4 – Política no Evangelho

Publicado por Padre Joao Delco Mesquita Penna
Data da publicação: 20/08/2012

Os Evangelhos nos ensinam que o mestre Jesus de Nazaré foi condenado à morte por um complô dos poderes políticos, econômicos e religiosos de sua época. No tempo de Jesus os partidos políticos eram também religiosos: a mesma lei organizava o culto ao Deus único e a vida política do povo. Cada partido defendia um programa diferente dependendo dos seus interesses. Jesus adota uma atitude crítica em relação aos abusos...

Sacerdócio e Política – Parte 3 – Riscos e Oportunidades

Publicado por Padre Joao Delco Mesquita Penna
Data da publicação: 13/08/2012

Neste processo eleitoral de 2012 muitos bispos já anunciaram as sanções aos padres que desafiarem a instituição apresentando seus nomes à escolha pelas comunidades, se candidatando a algum cargo eletivo. Isso revela um fechamento da Igreja enquanto instituição. Suspender o ministério sacerdotal de padres que disputam eleições, mas tolerar políticos profissionais que usam as comunidades eclesiais para seduzir o povo...