Tamanho da Letra: [A-] [A+]

Meu arco-íris particular

Publicado por Antonio Ângelo em Poesia
data: 04/08/2017

Meu arco iris particular


Após a rápida chuva de verão
quero eu lá saber de brilho e cores do arco-íris?
O que me atrai agora
são os cacos-de-vidro multicores
verdes – amarelos – vinho – brancos – róseos
alguns ainda molhados, gotas em lento escorrer
rebrilhando ao sol que despeja seus raios oblíquos
sobre o muro de tijolos caiados
no mormaço de fim de tarde
ao fundo de meu quintal!

Compartilhar este Artigo

Leia mais artigos em Poesia

Antonio Ângelo -
2 Comentários
  1. aminthas

    caro amigo, seu arco íris particular parece ser fruto dos seus 65 anos. não! grande abraço

  2. Gislaine

    Tempo em que cacos de vidros multicores em cima do muro eram suficientes para impedir ladrões.

Deixe um comentário