Tamanho da Letra: [A-] [A+]

Frases que não vão ficar – I

Publicado por Antonio Ângelo em Humor
data: 13/05/2014

- Ali vai aquele padre orquidófilo, murmuravam entre si os munícipes quando o viam passar.

À primeira Playboy, o seminarista passou a acreditar em mulher.

- Mas não tenho sequer uma moeda no bolso – disse aquele senhor ao gerente do banco. Ao que este argumentou: por isto mesmo é que o alarme disparou.

Vai ser certo na vida – disse-me um anjo quando nasci. Senha para que tudo viesse a dar errado depois.

Confessou ao irmão gêmeo, quando este soube que roubara sua namorada: – Perdoe-me, descobri nela minha alma gêmea.

Eram amigas de infância, encontraram-se no shopping. Uma, fazendo compras a rodo, outra passando o rodo.

Antes da extrema-unção, ele confessou ao padre que nunca pecara.

Tinha um sonho fuleiro / de ganhar muito dinheiro / acabou que, por inteiro, / fez-se grande trambiqueiro.

Era moça muito tradicional, mas liberal no que efetivamente interessava.

Queremos aproveitar o tempo, mas o tempo é que tira proveito de nós.

2 horas para ir pro trabalho, 2 horas pra vir do trabalho. E se interrogava: a vida é só isto, caralho?

Sexo para mim, só de profissionais, dizia o analista.

Quem a via tão pudicamente vestida, não podia imaginar do que era capaz quando despida.

Era um político impagável, mas acima de cem mil dólares aceitava conversar.

Todos são iguais perante a lei, diz a Lei maior, à qual sempre se sobrepõe o oportunismo maior.

As autoridades juram cumprir a Constituição. Dado o alto espírito público de Suas Excelencias, nem precisava.

Disse à moça: Decifra-me, ou te devoro. Ela o decifrou e o devorou.

Em terra de dois olhos, ao que tem só um esperteza não pode faltar.

Era uma pessoa tão assertiva, que alguns ficavam convencidos de que a Verdade existe.

Queria tanto acreditar, que desconfiava de qualquer argumento em contrário.

Naquele caso, a distância entre réu e juiz representava alguns milhares de reais.

Disse ao psiquiatra que a causa de sua depressão era a mulher. A ausência de uma, obviamente.

Compartilhar este Artigo

Leia mais artigos em Humor

Antonio Ângelo -
Deixe um comentário